Mártir Cristão Contemporâneo Alvejado em Sua Própria Igreja

Um Muçulmano irado entrou na igreja com uma arma e gritou: "Onde está o sacerdote Daniel?". O sacerdote saiu do altar e disse: "Eu sou Daniel". Ele foi alvejado e morto a sangue frio no meio da igreja. Na idade de 34 anos, ele recebeu uma morte martírica por pregar o Evangelho. Isso aconteceu há apenas 10 anos.

No dia 19 de novembro, um sacerdote Ortodoxo foi martirizado por pregar Cristo aos Muçulmanos e convertê-los.

Um Muçulmano irado entrou na igreja deste sacerdote com uma arma e gritou: "Onde está o sacerdote Daniel?".

Pe. Daniel Sysoev

As pessoas correram. O Pe. Daniel estava atrás da iconóstase, na área do altar e podia ter facilmente escapado pela porta lateral através da sacristia. Ao invés disso, ele saiu do altar para a nave da igreja e disse: "Eu sou Daniel". Ele foi então alvejado e morto a sangue frio no meio da Igreja.

O Pe. Daniel, no dia de seu martírio, ainda não tinha alcançado seu 35º aniversário. Ele nasceu na União Soviética e viveu seus primeiros 17 anos de vida atrás da Cortina de Ferro. Ele amou Cristo desde sua juventude, mesmo estando na oficialmente atéia Rússia Soviética. Muito embora ele tenha sido zombado por seus colegas e professores durante a infância e juventude por sua fé em Jesus Cristo, ele nunca abandonou seu salvador.

Na idade de 34 anos, ele recebeu uma morte martírica por pregar o Evangelho.

Isso aconteceu há apenas dez anos.

Essa não é uma história de séculos atrás, muito embora o Pe. Daniel agora seja contado entre aqueles nos céus que morreram pela fé desde os primeiros anos da Igreja.

Glória a Deus que é maravilhoso em Seus santos.

Pe. Daniel Sysoev

  • Shqip
  • العربية
  • English
  • Français
  • Deutsch
  • Bahasa Indonesia
  • Português
  • Русский
  • Español