25 de Maio - Santo Epifânio, Bispo do Chipre

"Irmãos, guardai os mandamentos de Deus e guardai vossas mentes dos pensamentos impuros."

Santo Epifânio, Bispo do Chipre

Foi um jovem Judeu que viveu na Fenícia no séc. IV. Ele era bem instruído e inteligente. Certa vez, passando ele por um monge Cristão, viu com que facilidade o monge deu suas roupas a um mendigo. Epifânio ficou impressionado com tal gesto de misericórdia e pediu ao monge Lúcio que lhe ensinasse a fé Cristã.

Depois, eles foram juntos a um mosteiro. A educação de Epifânio foi muito útil lá. Além das orações e dos jejuns, ele tinha uma obediência importante: copiar livros sagrados em Grego.

Por causa de seus esforços ascéticas, Epifânio recebeu o dom de realizar milagres. Querendo se esconder dos louvores dos homens, ele se retirou para o distante deserto de Espanidrião.

Depois de algum tempo, Epifânio adquiriu um discípulo fiel. Ele era um ex-ladrão cuja gangue havia mantido Epifânio cativo por três anos. Durante esse tempo, ele foi convertido pelo santo e tornou-se um asceta sincero e devoto.

No meio-tempo, a fama da vida de São Epifânio se espalhou por toda parte, e muitos correram para salvar suas almas sob a direção de um professor tão sábio. Por esta causa um mosteiro foi erigido.

São Epifânio estava sendo preparado para um propósito importante, embora fosse muito distinto da vida solitária no deserto que ele sempre sonhara.

Ele foi ordenado bispo de Sá lâmina, no Chipre. Foi na sé episcopal que Epifânio se tornou famoso por seu grande zelo pela fé, seu amor e misericórdia pelos pobres, pela simplicidade de seu caráter e, é claro, pelos muitos milagres que realizou em benefício de seu rebanho.

Enquanto retornava de Constantinopla em um navio, ele percebeu que sua morte estava próxima. São Epifânio reuniu seus fiéis discípulos e deu-lhes suas últimas instruções:

"Irmãos, guardai os mandamentos de Deus e guardai vossas mentes dos pensamentos impuros."

Logo sua alma foi levada ao Senhor nas moradas celestiais.

O Sétimo Concílio Ecumênico chamou São Epifânio de Pai e Doutor da Igreja, porque seus muitos trabalhos, escritos e milagres ajudaram muitas pessoas a encontrar a verdadeira fé Cristã.

O dia vinte e cinco de maio é o dia da festa de São Epifânio, Bispo do Chipre.

MORE:Santos
  • Shqip
  • العربية
  • English
  • Français
  • Deutsch
  • Bahasa Indonesia
  • Português
  • Русский
  • Español