Summer Fund Drive
Meta: $10,000
Given so far: $3,902
39%
128 Apoiadores
24 Dias Restantes

O Parlamento Russo Observa Um Minuto de Silêncio pelo Czar e Família Brutalmente Assassinados

Originally appeared at: Orthodox Christianity

Pela primeira vez na história, a Duma do Estado Russo honrou o Czar martirizado Nicolau II e todas as vítimas da guerra civil com um minuto de silêncio durante sua sessão plenária, no 101º aniversário do martírio da Família Real.

"Hoje nós propomos honrar a memória do último czar Russo, honrar a memória daqueles que foram inocentemente mortos - todos que morreram na vicissitude da guerra civil", Vyacheslavl Volodin, Porta-voz da Duma, disse a seus colegas que, ao ouvirem tais palavras, permaneceram de pé, segundo a reportagem da TASS.

Foto: TASS

A moção para honrar o Czar foi proposta pelo líder do Partido Democrático Liberal da Rússia e apoiada pelos líderes dos outros partidos, com excessão do Partido Comunista, embora seus deputados que estiveram presentes também permaneceram de pé durante um minuto de silêncio.

"Muito obrigado a todos, pois a reconciliação começa quando todos entendem que isso não pode se repetir, que é inaceitável", disse Volodin, após o minuto de silêncio. "Penso que o fato de que hoje todos os partidos políticos da Duma Estatal tenham honrado esta memória é um bom ponto de partida para se falar sobre o futuro", concluiu, com a câmara respondendo com aplausos. 

"Isso significa que todas as forças políticas representadas no Parlamento Russo se opõe à confrontação civil, pela resolução de disputas e conflitos de uma maneira pacífica e democrática", comentou Andrei Isaev, o Primeiro Chefe-adjunto da Duma, notando que muitos deputados são favoráveis em tornar o minuto de silêncio no dia dos Mártires Reais uma tradição anual.

Os Mártires Reais também foram honrados por 60.000 fiéis com uma Liturgia noturna e procissão com a cruz em Ecaterimburgo. A agência OrthoChristian também cobriu a Vigília e Liturgia pelos Mártires Reais que aconteceram no Monastério de São João o Precursor em Mesa Potamos, Chipre.