Milagre na Zona Norte de Nova Iorque - Um Seminário Russo de Outro Mundo (Jordanville)

O monastério é como uma cápsula do tempo onde refugiados de tempos pré-revolucionários e seus alunos mantiveram viva a tradição, como se guardassem um tesouro inestimável, mantendo uma chama acesa que, doutra forma, teria sido apagada

Escondida na Zona Norte de Nova Iorque, há uma pequena e obscura cidade que não difere das outras: é composta por casas silenciosas, uma biblioteca pública, uma agência do correio e talvez um posto de gasolina.

Ela não é diferente até que você se depara com um grande monastério de esplêndidos domos verdes: o lendário Monastério da Santíssima Trindade em Jordanville, Nova Iorque.

Construído nos anos 1930 por monges daquele que foi o Império Russo, o monastério é como uma cápsula do tempo, onde refugiados de tempos pré-revolucionários e seus alunos mantiveram viva a tradição, como se guardassem um tesouro inestimável, mantendo uma chama acesa que, doutra forma, teria sido apagada.

O Seminário que os monges fundaram no terreno do monastério em 1948 difere-se de todas as outras instituições teológicas nos EUA por seu legado singular de um valente conservadorismo e pelo estilo de vida ascético-monástico que os alunos devem levar.

Por décadas, o monastério tem sido o centro espiritual dos Cristãos Ortodoxos Russos que fugiram do regime Soviético. Também um lugar onde os migrantes Russos foram em peregrinação, fizeram amigos, tornaram-se monges, encontraram esposas da mesma fé e oraram por seus mortos.

Quase todos os pastores da Igreja Ortodoxa Russa Fora da Rússia (ROCOR) servindo em Nova Iorque, Austrália ou Alemanha, graduaram-se neste monastério.

Mesmo quando a igreja Russa na Rússia começou a reerguer-se após o colapso da União Soviética, ela pôde se valer das tradições e dos indivíduos que mantiveram as antigas tradições vivas no além-mar, em Jordanville.  

Além de seu serviço ao povo Russo e à terra Russa, o monastério de Jordanville também forneceu uma realidade alternativa muito desejada para os Americanos e todos aqueles que buscavam uma espiritualidade que é informada pela tradição Cristã e pelo ascetismo.

Afinal, o monastério é de fato um mundo diferente, estranho, belo, uma nobra afirmação da fé Ortodoxa Russa naquilo que está rapidamente se tornando um mundo secular militantemente materialista.

Aqui os sinos continuam sendo tocados, antigas orações continuam sendo cantadas e os serviços eclesiásticos acontecem todos os dias. Monges em vestes negras silenciosamente cumprem suas obediências, e jovem Americanos, Russos, Europeus, Asiáticos e Africanos despertam-se às 5 horas todas as manhãs para participar dos Serviços Divinos antes do início das vigorosas aulas.

Embora muitas das aulas sejam agora em Inglês, o espírito de Jordanville continua a ser permeado pelas orações e ensinos dos monges Russos que trouxeram consigo para o exílio seu espírito de oração milenar, ascetismo e rígidas tradições.

É um mundo que precisa ser experimentado. Considere uma visita. Considere fazer uma doação. Você não se arrependerá.

Eis o endereço: 1407 Robinson Road, Jordanville, NY 13361

  • Shqip
  • العربية
  • English
  • Français
  • Deutsch
  • Bahasa Indonesia
  • Italiano
  • Português
  • Русский
  • Español